Skip navigation

Nesta semana, Assange enviou um email para a Apple, o Google, a Microsoft e para todas as empresas mencionadas nos documentos descobertos pela organização. Mas segundo uma série de fontes anônimas envolvidas na negociação, antes de compartilhar as falhas ou exploits relatados nos documentos da CIA, o WikiLeaks fez algumas exigências.

Leia mais em: MotherBoard.

2 Comments

  1. “Além disso, há uma suspeita de que esses documentos possam ter sido entregues ao WikiLeaks pelo governo russo.”

    Ah, e se fosse um delator estadunidense? Aí tudo bem?

    • Toda esse malabarismo diplomático é muito ridículo.
      Como diz wikileaks: transparência para os fortes, privacidade para os fracos. Ponto.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *