Apoie a segunda edição da CriptoFunk

Evento discute privacidade na internet,
direitos digitais e funk na Favela da Maré

A CriptoFunk, evento gratuito que reúne debates, oficinas e festa sobre cuidados físicos, digitais e internet, chega a sua segunda edição em 2019. Prevista para acontecer no dia 14 de setembro, na Favela da Maré, no Rio de Janeiro, o evento-festa lança nesta semana uma campanha de financiamento colaborativo para sua realização. Para ajudar o evento, basta acessar benfeitoria e doar quantias a partir de R$ 15,00.

A iniciativa é inspirada no movimento global das Criptofestas. Com o lema “Criptografe dados, descriptografe o corpo”, a CriptoFunk busca promover a autonomia e liberdade das pessoas frente à influência das tecnologias em suas vidas. Em um mundo em que a internet ganha cada vez mais centralidade no cotidiano de grande parte da população, as discussões sobre privacidade na internet, algoritmos, direitos humanos e cuidados integrais (físicos, digitais e psicossociais) se tornam cada vez mais urgentes.

“A gente acha muito importante fazer a CriptoFunk no Complexo da Maré, porque traz debates que precisam ser cada vez mais disseminados e democratizados. As questões de liberdade e segurança digitais são muito novas para todo mundo. As soluções para essas questões só podem ser construídas a partir de múltiplos olhares, com uma diversidade de lugares e pessoas envolvidas nesse debate”, ressalta Clara Sacco, cofundadora do data_labe e uma das organizadoras do evento.

A campanha de financiamento recebe apoios até o dia 9 de setembro. Em troca, as(os) apoiadoras/es receberão brindes exclusivos, livros e até uma oficina de segurança digital. A CriptoFunk é um projeto coletivo e independente, formado por integrantes do data_labe, Escola de Ativismo, Intervozes e Coding Rights, e conta com apoio do Observatório de Favelas.

Inscrições abertas para Chamada de Atividades

Neste ano, a programação será construída colaborativamente e a Chamada para Atividades já está no ar. As inscrições vão até o dia 26 de agosto e devem ser feitas seguindo as instruções disponíveis no site: www.criptofunk.org. Podem ser propostas palestras, oficinas, rodas de conversa, exibição de filmes, instalações e performances artísticas, e DJ set de funk para a festa que encerra o evento.

As(os) proponentes poderão optar por uma ajuda de custo no valor de R$ 300,00 no ato da inscrição. As atividades devem dialogar com pelo menos um dos eixos temáticos da CriptoFunk: cuidados integrais (digital, físico, psicossocial); privacidade e direitos digitais; antivigilância; algoritmos e Direitos Humanos; corpo e tecnologias; gênero e tecnologias; raça e tecnologias; favela e tecnologias; ativismo e tecnologias; funk e tecnologias.

Programação da CripTainha 2019 e Roda de Conversas sobre Segurança de Pés Descalços

 

 

 

Foi lançada a programação da CriptTainha, criptofesta que acontecerá neste sábado, 06/07 em Florianópolis – SC.  Serão mais de 15 atividades envolvendo tecno-política, ativismo, mídia livre, software livre, segurança holística, redes, programação e uma installfest focada em ferramentas para autodefesa digital.

Todas as atividades são gratuitas e não exigem formação. A programação e mais informações podem ser consultadas no sitío web do evento.

Às 14h participaremos de uma roda de conversa sobre Segurança de Pés Descalços,  um Plano Estratégico de Segurança baseado nos princípios de prevenção e autonomia, e que visa criar e manter as condições para a ação de grupos que atuam pela transformação social.

Acreditamos que será um espaço importante para contextualizar melhor esta proposta, bem como debater com atores interessados sobre uma visão estratégica para promover uma Cultura de Segurança.

O evento acontece no Instituto Arco-Íris que fica na travessa ratclif, em local muito próximo do terminal central e da rodoviária. Além de prático, é um local muito especial para a cena politico-cultural e de defesa de direitos humanos na cidade. Venha e participe!

 

 

CripTainha: Criptofesta em Florianópolis no dia 6 de Julho

CriptoFesta em Florianópolis – SC no dia 06/07/19, com chamado de atividades aberto até 22/06/19.

Com a Criptainha queremos construir um encontro aberto, fraterno e divertido para a troca de experiências sobre tecnologia, política, criptografia, segurança holística, software livre, arte e cultura e o que mais cair na rede.

O evento acontecerá em um sábado, 06/07, no Instituto Arco-Íris que fica no centro, em local muito próximo do terminal central e da rodoviária. É um local muito especial para a cena politico-cultural e de defesa de direito humanos na cidade.

Convidamos a tod@s que inscrevam suas atividades até o dia 22/06. Nosso site e o evento em si estão em construção, e ao longo dos próximos dias vamos lançando mais informações.

Clique no enlace para ler o texto completo do chamado.

Segurança de Pés Descalços na CriptoTrem

No dia 13/4/19, sábado, estaremos em Belo Horizonte apresentando a estratégia da Segurança de Pés Descalços na CriptoTrem.

Será uma conversaa sobre perspectivas estratégicas da formação e promoção da cultura de segurança.

Horário: às 14:30
Local: galeria Cisso.

A Segurança de Pés Descalços é um Plano Estratégico de Segurança baseado nos princípios de prevenção e autonomia que visa criar e manter as condições para a ação. A “Promoção da Segurança” inicia de forma federada, com coletivos que fomentam a cultura de segurança realizando treinamentos de agentes multiplicadores nos grupos que estão tensionando a transformação social. Com o passar do tempo, buscamos que ela se descentralize, tornando-se uma cultura de segurança que se sustente, se propague e se reinvente. Essa estratégia é aberta como um código aberto em software; usamos “bibliotecas” públicas e testadas, toda informação contida no treinamento pode ser encontrada por outros meios, e incentivamos o compartilhamento e a ramificação desse “código”.

CriptoTrem – 13 de abril em Belo Horizonte (MG)

A primeira edição da CriptoTrem acontece em BH no dia 13 de abril de 2019, com um sábado dedicado a atividades, rodas de conversas, oficinas e debates para iniciantes e iniciados sobre o atual contexto de cultura de segurança, anonimato, hacking, vigilância e liberdade na rede.

Com o tema BH pela Privacidade, Igualdade e Liberdade na Rede, serão 13 horas de programação ininterruptas, contando com palestras, rodas de conversas, debates, oficinas, apresentações, installfest e uma bela festa para encerrar o evento, celebrando a resistência, as liberdades e a democracia nas redes!

A CriptoTrem é parte do movimento global das CriptoFestas ― eventos que têm como meta difundir práticas e discussões sobre autodefesa no espaço digital: comunicação segura, navegação anônima, introdução ao Linux, entre outros.

Ao reunir especialistas – técnicos e estudiosos -, movimentos sociais e novatos no assunto o evento visa garantir conhecimento acessível para todas as pessoas sobre um assunto que cada vez mais vai determinar o modelo socio-político e tecnológico em que vivemos: o processamento de dados em massa.

O objetivo principal da CriptoTrem é disseminar e perpetuar uma cultura de privacidade que permita que a criatividade, a livre expressão e o direito à organização possam existir.

Fonte: divulgação do grupo

Divulgue! https://criptotrem.org/

CRIPTOCERRADO – Amanhã em Brasília

Acontece amanhã em Brasília a CriptoCerrado! Serão 10h de programação em quatro ambientes com muitas atividades simultâneas. Já está no ar a programação completa!

A Criptofesta Cerrado oferecerá uma série de palestras e oficinas para iniciantes e iniciados sobre o atual contexto de cultura, economia e política baseada em dados e em vigilância massiva. Haverá oficinas sobre cultura de segurança e proteção, bem como formações práticas.

CripTRA – CriptoFesta do Alto Tramandaí

 

No próximo sábado dia 15 de dezembro acontece a CriptoFesta do Alto Tramandaí em Maquiné – RS.

A programação completa já está no ar! São 15 atividades entre oficinas, palestras, bate-papos e muito mais divididos em 12h de programação.

O evento inicia com uma mesa redonda com o tema “Repressão e liberdade de expressão”, e segue com atividades sobre criptografia, análise de risco, cultura de segurança, software livre, redes,  e muito mais. Durante todo o dia voluntárias estarão disponíveis para auxiliar na instalação de Linux, LineageOS, Signal, criação de emails seguros, chaves PGP eentre outros! Traga seu dispositivo para libertá-lo das garras corporativas (mas não esqueça de fazer backup de seus arquivos importantes!).

Confira aqui a programação: www.criptra.noblogs.org/programacao/

Serviço:
CripTRA – CriptoFesta do Alto Tramandaí
15 de Dezembro 2018
09:00 às 22:00
Canto da Terra Armazém Café
Rua Luiz Alves da Costa, 715 – Maquiné / RS

Não entre em pânico, CRIPTOGRAFE!

 

MateAndroid – Oficina de instalação de LineageOS

Nesse domingo, 2/12/18 – 15h, no Tarrafa Hacker Clube, teremos uma oficina de instalação do sistema operacional LineageOS.

A Distribuição Android Lineage OS, é um sistema operacional de código aberto para smartphones e tablets, baseado na plataforma móvel Android. Lançado em 26 de Dezembro de 2016, LineageOS é um projeto que dá sequência ao falecido CyanogenMod, abandonado por seus desenvolvedores, e dá suporte a diversos modelos de telemóveis. Os cinco países onde a ROM é mais popular são: Índia, China, Brasil, Rússia e Alemanha.  Em menos de 1 ano (2017) o sistema já tinha mais de 1,7 milhões de dispositivos rodando o LineageOS, suportando 180 modelos de 23 fabricantes diferentes, e continua mantendo atualizações constantes.  A cada 10 dispositivos Android, 7 são alimentados por uma ROM antiga e insegura e LineageOS permite manter esses aparelhos rodando de forma segura e atualizada.

Segue lista de modelos com suporte:  https://wiki.lineageos.org/devices/

Lembre-se sempre de fazer suas copias de segurança antes de qualquer instalação!