Como criar uma máscara de email

Máscara de email é um endereço de fachada criado sobre uma conta de email principal. Dependendo do servidor de email, essa opção está disponível ou não.Os emails enviados para a máscara são recebido na caixa de entrada da conta principal. Preste atenção na hora de escolher qual email será usado para responder às suas máscaras.

Você pode criar uma máscara de email por diversos motivos, como por exemplo, para despistar o seu endereço principal sem ter que criar uma nova conta ou organizar os seus diferentes perfis virtuais que atuam nos coletivos que você participa. Obviamente, é sempre bom ter formas de contato não vinculadas à sua identidade burocrática (seu nome registrado nas bases de dados do Estado), como emails com pseudônimos.

No momento que inventou-se o webmail, todo mundo ficou maravilhado: “uau, vou poder ver minhas mensagens a partir de qualquer computador que esteja conectado na internet”. Só que criou-se um problema que antes não existia: é um saco ficar mudando de conta e checando email pelo navegador. Não dá para abrir no mesmo navegador diversas contas de email do mesmo provedor (por causa dos cookies). A solução milenar é usar um cliente de emails instalado no seu computador pessoal (hoje, mais do que nunca, os computadores finalmente são pessoais, e isso é bem importante para a sua privacidade e segurança).

Então, não se assuste. Crie quantas contas de email quiser e administre-as todas a partir do mesmo cliente de emails, como o Thunderbird. Para cada uma das suas contas (que são dedicadas a funções diferentes), crie as máscaras de email que precisar.

Email é uma forma de comunicação federada com opção de criptografia forte ponta a ponta e que funciona em qualquer sistema operacional ou espertofone.

(Se você está procurando um email descartável para receber um confirmação de cadastro e nunca mais vai usar a conta, então utilize um serviço como https://www.guerrillamail.com/.)

Como criar uma máscara de email no Riseup.net

Entre no endereço de configuração de usuário: https://user.riseup.net

Clique em Configurações de Email e em seguida na aba Aliases. No campo New Aliases escreva um endereço válido completo do riseup. Se o endereço já estiver sendo usado, você será avisado e terá que escolher outro.

Pronto.

No caso do Riseup, uma vantagem, em termos de segurança, do uso de máscaras é que no cabeçalho do email não aparece o email principal. Outros provedores muito provavelmente deixam esse rastro no “código fonte” do email.

Como criar uma máscara de email no Autistici.org

Entre no endereço de configuração de usuário: https://www.inventati.org/pannello/login

Clique no ícone da da engrenagem, ao lado do botão de webmail e em seguida no item Manage Aliases. Abaixo de Create new alias, preencha com um endereço válido e selecione um dos domínios oferecidos pelo Autistici. Se o endereço já estiver sendo usado, você será avisado e terá que escolher outro.

No caso do Autistici, é apenas possível usar uma máscara de email como uma identidade vinculada ao email principal já que o servidor revela o endereço do email principal no cabeçalho.


Configurando máscara de email no Thunderbird

Caso você use máscaras de email para administrar melhor suas comunicações por email, é bem útil configurá-las no seu cliente de email. Aqui descreveremos como se faz isso no Thunderbird.

Clique no ícone de Menu, vá na opção Preferências e depois em Configurações de Conta.

Nas página inicial das configurações da sua conta principal, aquela onde você criou sua máscara e clique em Gerenciar Identidades abaixo à direita.

Em seguida, clique em Adicionar.

Uma janela aparecerá com as configurações da sua máscara. Coloque ali o endereço da máscara, preencha as opções de nome, organização, assinatura, se quiser e pronto.

Agora, na hora de enviar um email, no campo Remetente você poderá escolher sua máscara.

Criptografando para uma lista de email

Para podermos manter criptografas as conversas que realizamos nas listas de email, tem um jeito bem simples que é o seguinte:

1) Todas as pessoas da lista criam as chaves pgp para seus emails.

2) Essas chaves são trocadas preferencialmente ao vivo entre as pessoas que compõem a lista.

3) (Estou assumindo que você não abre seus emails no webmail!) Abra seu cliente de email que está integrado ao enigmail [1, 2] (por exemplo, o Thunderbird), clique naquele botão de menu, que está escondido no lado direito parte de cima, vá na opção “Enigmail” e depois clique em “Editar Regras por Destinatários” (ou em inglês, como mostra a imagem)

4) Adicione uma nova regra.

5) Coloque o endereço da lista no campo mais acima e depois selecione as chaves públicas das pessoas que compõem a lista (inclusive a sua própria).

 

Pronto! Agora todo mundo da lista receberá mensagens criptografadas que só poderão ser lidas por quem estiver contido naquela “regra”. Lembre-se que todo mundo da lista deverá utilizar a mesma configuração de “regra para destinatário”.

Boas Práticas: Lista de Emails

Seguidas vezes nos deparamos com nossos grupos tentando se comunicar por meios digitais e criando a maior bagunça. As pessoas se atravessam, não leem as mensagens e já comentam, saem postando absolutamente tudo que lhes vem na cabeça. O mal uso de um canal coletivo de comunicação é um dos principais fatores para o desgaste das relações de um grupo. Com o tempo, além das coisas não saírem com a rapidez que era esperada, as pessoas vão deixando de colaborar e lentamente vão se afastando, seja por falta de paciência ou por cansaço.

O que segue abaixo são orientações quanto ao uso das listas de discussão de um movimento social do qual participei. Tentamos resumir as principais boas práticas em quatro frases com alguns exemplos e breves propostas relacionadas a cada uma.

Estas recomendações foram produzidas pensando numa lista de emails. Porém, atualmente os grupos estão usando cada vez mais grupos de mensagens instantâneas. Mesmo assim, a partir deste material é possível derivar boas práticas para as comunicações que não passam por email.

Um acordo de boas práticas em grupo é MUITO importante e tem por objetivo obtermos mais eficiência na comunicação e manter a harmonia das discussões.

Sempre que precisar, o grupo deve revisar seus acordos.

Mote: Organize um movimento social e seja feliz – utilizando a lista! 🙂

O canal Público e o Fechado

Se o seu grupo tiver atuação pública, em geral é bastante comum e útil ter dois canais de comunicação coletiva. Um para informar pessoas interessadas sobre as ações públicas do grupo. Este canal é composto pelas pessoas que apoiam e que não necessariamente participam das reuniões. Por questões de segurança, recomenda-se não expor assuntos delicados nele pois qualquer pessoa pode estar ali.

O outro canal é aquele composto pelas pessoas mais orgânicas do grupo. É usado para tratar assuntos de organização interna, incluindo aqueles que exigem maior sigilo. Revise periodicamente quem participa deste canal e mantenha a lista segura.

Boas Práticas

1- Seja coerente com o assunto do email.

Preencha o campo assunto com poucas palavras, para resumir a mensagem. Exemplo de mau uso: [fechô galera] para falar que uma atividade está confirmada (o assunto não diz sobre o que se trata o email).

Inclua [fora de tópico] antes do assunto de uma mensagem que não tenha relação direta com a organização do grupo.

Mude o campo assunto sempre que mudar o que está sendo tratado no email. Caso você queira falar de várias coisas, mande vários emails. Será lindo!

2- Seja precis@ e diret@ ao escrever suas mensagens.

Exponha sua ideia e proponha em seguida. Lembre-se que ter ideias é bacana, mas elas sempre precisam de pessoas para encaminhá-las.

No caso de repassar à lista uma publicação ou notícia, mande o link e um trecho que sirva de resumo.

Responda um email somente depois de ler as respostas anteriores.

Envie mídias (fotos, áudios, vídeos, etc.) utilizando as ferramentas: postimage.org, dropbox, google drive, ou melhor, o blog do grupo!

3- A lista Fechada trata da organização GERAL do grupo

Exemplos do que pode interessar a todo mundo: propostas gerais, repasses de GTs, notícias relacionadas ao grupo, decisões que necessitem consenso, etc.

Resolva os assuntos do seu GT através das ferramentas de comunicação próprias do GT (celular, FB, email para algumas pessoas, telepatia, etc.)

Envie recados individuais apenas para a pessoa interessada ou GT. Exemplo de mau uso: “você é uma fofa, amiga!”.

4- Casos raros

Evite registrar por escrito qualquer atividade que possa criminalizar membros do grupo.

Caso queira sair da lista, fale com a moderadora.

Quando quiser mostrar a um contato de fora da lista um e-mail interno, copie especificamente o trecho e faça uma nova mensagem. Ao encaminhar diretamente uma mensagem, você estará expondo contatos e informações internas do grupo.

Outras infos:

* Guia de sobrevivência em listas de discussão

Dicas:

* Se você tem dificuldades para acompanhar todos os e-mails da lista, tente criar filtros e marcações. Procure num buscador como fazer isto no seu cliente de email (Thunderbird, Iceweasel, Gmail, Hotmail, Yahoo, Outlook, Ig, etc.)